quinta-feira, 30 de abril de 2009

à espera que a miúda (gira mais velha) chegue a casa

para me ir deitar...
começamos cedo!...

retirei um post

porque é uma luta que não me diz
respeito
e por
respeito
à pessoa que tanto
adoro.

Peço desculpa
por, no "entusiasmo",
não ter pensado em tudo
ou ter achado que nada seria pior
(e à gentil leitora que comentou,
por por tabela ter apagado o comentário).
Obrigada.

Ou como acabar já com metade da outra metade dos leitores deste blog

...

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Não...

...nem eu suspeitava do estado miserável em que me encontro...

Depois de 35 anos a renunciar ao desporto, eis que, aos seis meses da Rosa (e depois do rais-ta-parta da cesariana...) me aventuro numa aula de "active local"...
ó que caraças!... Chiça! Irra! Cum caneco!.. Estou muito pior do que pensava!.. Mesmo muito em baixo de forma!... É que não me aguento!.. :b

Sempre tive imensa força nas pernas... agora? Pfff!... não me aguento nelas! Qual quê!

E o que isto me vai doer?!

O professor só não devia estar a perceber de onde vinha tanta força nos braços! Sempre tive "músculos"... mas estes seis meses de alteres non-stop... ah pois! Já são 9 quilinhos!... Vai b'scar!

(ai amanhã!... ai DEPOIS DE AMANHÃ!!!)

The Fabulous 5


Após um interregno de um ano, The Fabulous Five encontram-se já a preparar o lançamento do próximo album com data de estreia a 29 de Abril de 2010. O grupo, agora com mais um elemento, justifica-se:
-"Tivémos problemas com a audiência", diz Shining Rose e acrescenta "um dos elementos do grupo provocou desacatos e este ano não tivémos autorização para actuar no restaurante japonês..."
- "Estamos certos de que o próximo espectáculo vai ser um sucesso estrondoso, daí que nos estejamos já a preparar" disse ainda Lia Minelli.
Recorde-se que o maior êxito da banda foi o cover de "Ó Joana" em 2006, com carros parados na estrada para assistir a esse memorável concerto. Na altura os Fabulous Five eram só Four, mas muito bons. Agora prometem ser ainda melhores.

de Musgueira Hall para o 6-au-sac,
Pessoa Ferreira.

És Grande.

Imensa. Firme. Forte. Perene. Linda. Amiga. Mãe. Amor. Joana.



Parabéns! Amo-te muito!

terça-feira, 28 de abril de 2009

18:34

e eu dou-me por satisfeita por ter ido às compras logo de manhã com banho tomado (porque a Mariana se despachou e eu pude fazê-lo com gente ainda em casa que me libertasse dois minutos da miúda gira mais nova) e por ter conseguido fazer sopas, para ela e para nós, (apesar de uma deambulação - rápida, a aviar - infrutífera pelo Colombo antes do almoço) entre a sopa e a papa que lhe dei. Passei-as agora, às sopas, e o dia já vai no fim. Agora banhos às miúdas e outra vez sopa à Rosa. Já fritarei a carne tarde e a Mariana não irá para a cama a horas. Isto se tudo correr bem.
A noite foi mediana, acordei duas vezes entre a meia noite e meia e as sete e meia - às 3 e meia e às 6 e meia.
Tempo para quem? Tomara eu ter tempo para mais do que a sobrevivência, qual tempo de qualidade?
Dou-me por satisfeita porque podia ter sido pior. Mas não estou.

rosa dentada

Temos dente. :)

segunda-feira, 27 de abril de 2009

elas


um amor que só visto.
Muito delas, muito delas. :)

(e com muitos beijos e muita baba...)

-

Lembrei-me da última fotografia deste post. E eu é que fiquei babada ao rever as várias fotografias. A Mariana tão redondinha! :)

e nós...





pai e mana fora
óculos à disposição!... :)

Dra. Mariana dá consultas

e passa receitas, com muitos carimbos! :)

sábado, 25 de abril de 2009

Sempre.

Claro.
Ou não estariam a ler estas linhas nem eu a escrevê-las.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

é o que se chama:

roubar o protagonismo!... :D



recebi por mail, da Alexandra.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

quarta-feira, 22 de abril de 2009

(também são boas para os pólens!...)

Ainda não tomei foi banho

mas temos umas redes mosquiteiras que são uma categoria!..

terça-feira, 21 de abril de 2009

querida joaninha

(que eu mandei vomitar para outro lado :))

e pronto, fui ver e era dele!

E vem muito bem acompanhado por este e este.

:)

(suspiro)

ele há coisas!...

!!!!!
Ah ah ah ah ah!!!..
aii...

people go to Brasil

...

a mim

mais a sociologia do que a psicologia, talvez...

sábado, 18 de abril de 2009

estatelou-se docemente contra o céu

1970 (Retrato)

A minha geração, já se calou, já se perdeu, já amuou,
já se cansou, desapareceu, ou então casou, ou então mudou
ou então morreu: já se acabou.

A minha geração de hedonistas e de ateus, de anti-clubistas,
de anarquistas, deprimidos e de artistas e de autistas
estatelou-se docemente contra o céu.

A minha geração ironizou o coração, alimentou a confusão
brincou às mil revoluções amando gestos e protestos e canções,
pelo seu estilo controverso.

A minha geração, só se comove com excessos, com hecatombes,
com acessos de bruta cólera, de morte, de miséria, de mentiras,
de reflexos da sua funda castração.

A minha geração é a herdeira do silêncio,
dos grandes paizinhos do céu,
da indecência, do abuso.
E um belo dia fez-se à vida,
na cegueira do comércio

A minha geração é toda a minha solidão, é flor da ausência, sonho vão,
aparição, presságio, fogo de artifício, toda vício, toda boca
e pouca coisa na mão.

Vai minha geração, ergue a cabeça e solta os teus filhos no esplendor do lixo e do descuido,
Deixa-te ir enquanto o sabor acre da desistência vai corroendo a doçura da sua infância.
Vai minha geração, reage, diz que não é nada assim,
Que é um lamentável engano, erro tipográfico, estatística imprecisa, puro preconceito,
Que o teu único defeito é ter demasiadas qualidades e tropeçar nelas.

Vai minha geração, explica bem alto a toda a gente
Que és por demais inteligente, para sujar as mãos neste velho processo, triste traste de Deus.
De fingir que o nosso destino é ser um bocadinho melhor do que antes.
Vai minha geração, nasceste cansada, mimada, doente, por tudo e por nada, com medo de ser inventada
O que é que te falta, agora que não te falta nada?
Poderá uma pobre canção contribuir para a tua regeneração ou só te resta morrer desintegrada?

Mas minha geração,
Valeu a trapaça, até teve graça, tanta conversa, tanta utopia tonta, tanto copo, e a comida estava óptima! O que vamos fazer?

J.P. Simões

quinta-feira, 16 de abril de 2009

de graça
7ª coisa que as mulheres devem ter em consideração

Quando o vosso companheiro diz que vos ajuda com o bebé (ou com a lida da casa, sendo que ambos trabalham fora ou para fora), cuidado! Ele está a partir do pressuposto que as obrigações são só vossas.
Ele não ajuda; ele partilha responsabilidades, deveres e tarefas. Ok?
Eventuais ajudas são as de terceiros.

estudos

- Ginástica. A minha disciplina preferida é Ginástica!
- ...
- É uma disciplina, não é?
- É, é.
- Ginástica, depois Pintura, Matemática e Leitura...
- Português!
- Pois...
- Sim...
- E tu, Rosa? Qual é a disciplina que tu mais gostas?
- Maminhas!
- ...
- Maminhas, não é Rosa? Sabe tudo sobre Maminhas, só pensa em Maminhas, é especialista em Maminhas!
- Existe?!

Ah ah ah !!!

link. :)

e depois há aqueles

por acaso o livro da Bertrand é mesmo das coisinhas mais softy-softy-quase-porno-fofinhas que li na vida... ou o início de uma nova postura literária...
o preconceito é uma coisa mesmo nojentinha...

esse hábito

desde a adolescência, de comprar a Elle...
não comprei!
Para quê? Que me dizem, de especial, os Paulos Gomes e os filhos da Isabel Branco?

quarta-feira, 15 de abril de 2009

de graça
5ª coisa que as mulheres devem ter em consideração

Antes de engravidarem, abstraiam-se do vosso romance idílico e mais-que-perfeito e, por favor, repitam para vocês mesmas até se consciencializarem:

"Vou ter um filho como se estivesse sózinha."

Tudo o que acontecer para além disso é um golpe de sorte.*

*e as estatísticas confirmam-no na ordem dos 99%.

de graça
34ª coisa que as mulheres devem ter em consideração

Não se ponham a fazer pós-graduações enquanto estiverem a tomar conta de um bebé.
Se não fôr o primeiro filho: Dupliquem a vigilância sobre os vossos delírios intelectuais!

uma no cravo

Depois disto, outra na ferradura.

sim, digam lá

como?
Ou: como fomos todos enganados pela geração dos nossos pais.

terça-feira, 14 de abril de 2009

caridade

para com o otorrino privado, sem seguros...
para com o health club porque a miúda não vai à natação e eu não vou a coisa nenhuma...
estamos uns mãos largas...

otorrinolaringologista

para quatro, por favor!
Obrigada!

segunda-feira, 13 de abril de 2009

domingo, 12 de abril de 2009

hummm....


quinta-feira, 9 de abril de 2009

construção de personagem


ora, para grande surpresa, aqui está um filmezinho que podia constituir um manual de criação, construção e caracterização de personagens em animação! Que delícia! E o formato documentário/entrevista de câmara na mão assenta-lhe como uma luva!..
Muito bom!
Cool, man!...

Favoritos: o galo, o passarinho das perninhas, a lula(choco?)-bóia e o Z. Bem me pareceu logo o Jeff Bridges!...

finou-se

o manjerico. Desta é que foi.

terça-feira, 7 de abril de 2009

por aqui

estamos de férias...
nada de muito diferente no meu dia-a-dia, não que me sinta de férias neste baby caring period (muito pelo contrário, a vida desnorteia-se, como sabem, e às vezes estou em trabalhos forçados...), mas tenho a miúda-gira mais velha de férias e quero que ela se sinta assim.
Por isso, nada de trabalhos da minha escola (para a semana, para a semana...), só uma perninha que me pediram num projecto a concurso e está muito bem assim!
Filmes light, livros light, que estou a precisar de emagrecer... :)
Bem, se me conseguir pôr a jeito, ainda espreito o Gran Torino, que diz que
é mesmo o Gran filme da estação... (devo dizer-vos que o Slumdog Millionaire não me encheu assim taaaaanto as medidas! Não sei se parti com demasiadas expectativas...)
Desenhamos, comemos, damos beijinhos, vemos filmes no sofá... muito bom assim!...
Mails desestabilizadores, nem os abro, para já...
stand by
ah... mas as ites em loop continuam... não percebo, juro que não percebo!...

sexta-feira, 3 de abril de 2009

hummm...


hoje 89, Mariana


a avó Mariana, aqui toda bonita para uma produção de moda
em sua casa que era e será sempre a minha casa.
A fotografia é da Isabel Pinto. A outra modelo é a Ana Isabel.

Marley & Me

um filme simples e despretensioso que,
para além da óbvia retratação da relação cão-humano,
surpreende no retrato mãe-pai ao 2º filho pequeno...
Divertido e comovente, claro.
Simpático e afectuoso, quentinho.
Sim, vejam!

quinta-feira, 2 de abril de 2009

pronto, tá bem...

o amor e duas cabanas! Pode ser? :D

era só gajos, aos molhos!!...

ó Maria, acho que devias reconsiderar!


azul periquito




despachem-se lá

com o casamento entre homossexuais
para podermos, finalmente, discutir o casamento em si!

quarta-feira, 1 de abril de 2009

"eu nem nunca..."

"...quis ter filhos"
dizia o homem com 5 filhas.

3 mulheres,

5 filhos e 3 cães
procuram soluções
casa, trabalho, horas decentes e vida.
Os maridos estão bem. Como sempre.